Connect with us

O que você procura?

Dicas

Dicas para proteger seu celular de roubos e furtos

Atualmente, os furtos de celular representam não só prejuízo financeiro, mas também muita dor de cabeça devido à possibilidade de os criminosos terem acesso a informações importantes em nossos aparelhos.
Para evitar esses transtornos, a Net Jacareí listou orientações de especialistas sobre como aumentar sua segurança e se proteger, antes de um eventual roubo ou furto. Confira!

Atualmente, os furtos de celular representam não só prejuízo financeiro, mas também muita dor de cabeça devido à possibilidade de os criminosos terem acesso a informações importantes em nossos aparelhos. Para evitar esses transtornos, a Net Jacareí listou orientações de especialistas sobre como aumentar sua segurança e se proteger, antes de um eventual roubo ou furto. Confira!
Atualmente, os furtos de celular representam não só prejuízo financeiro, mas também muita dor de cabeça devido à possibilidade de os criminosos terem acesso a informações importantes em nossos aparelhos. Para evitar esses transtornos, a Net Jacareí listou orientações de especialistas sobre como aumentar sua segurança e se proteger, antes de um eventual roubo ou furto. Confira!

Atualmente, os furtos de celular representam não só prejuízo financeiro, mas também muita dor de cabeça devido à possibilidade de os criminosos terem acesso a informações importantes em nossos aparelhos.

Criminosos habilidosos conseguem acesso aos documentos e dados pessoais, às contas em redes sociais e até às contas bancárias da vítima.

Com esse objetivo, muitas quadrilhas preferem agir enquanto a vítima está usando o aparelho. Assim, pegam o celular desbloqueado e têm acesso fácil às informações. Infelizmente, podem manter a tela ativa e iniciar tentativas de troca de senhas a partir do SMS (muitos aplicativos dão essa opção).

Quando o celular furtado está bloqueado, os criminosos podem também varrer a memória do aparelho – com programas usados por hackers – e obter informações que estão offline, documentos ou dados pessoais, que serão usados para abrir contas em outros bancos ou aplicar golpes.

Para evitar esses transtornos, a Net Jacareí listou orientações de especialistas sobre como aumentar sua segurança e se proteger, antes de um eventual roubo:

Evitar mexer no celular enquanto anda

Muitas vítimas têm um comportamento padrão: mexem no celular enquanto andam. Com o foco no dispositivo, elas não percebem alguém se aproximando. Portanto, sempre que precisar mexer no celular, pare em algum lugar seguro.

Usar código e opção de bloqueio automático da tela

Optar pelo menor tempo possível para bloqueio automático de tela reduz as chances de você ser roubado com a tela desbloqueada. Existem celulares que oferecem a opção de bloqueio após 30 segundos sem utilização.

Ativar a autenticação de dois fatores

Conteúdo continua após a publicidade.

Vale a pena entrar nas configurações de cada um dos seus principais aplicativos e buscar pela opção “privacidade” para usar a autenticação de dois fatores. Opte por aplicativos que geram códigos e não pela autenticação por SMS, já que o ladrão poderá usar o seu chip.

Ativar biometria ou reconhecimento facial em aplicativos

Procure, nas configurações de seus aplicativos, a opção de entrar por meio de biometria e leitura facial. Com essa ativação, ainda que o seu celular seja roubado com a tela desbloqueada, o ladrão terá dificuldade para acessar às informações.

Revisar e configurar o limite de seu Pix

Desde abril de 2021, a Federação Brasileira de Bancos vem nos alertando que devemos controlar o nosso limite no sistema de pagamento instantâneo. É permitido reduzir ou aumentar o valor disponível para pagamentos. Essa medida é importante para auxiliar o cliente em sua gestão e controle de transações no Pix. A funcionalidade está disponível no internet banking e nos aplicativos bancários na área “Meus Limites Pix”.

Nunca salvar informações importantes (como senhas) no aparelho

É muito importante evitar manter qualquer tipo de senha em prints, fotos ou blocos de notas, assim como fotos de seus documentos. Interessante também seria digitar a palavra “senha” ou “acesso”, na busca de mensagens para conferir se você já enviou essas informações para alguém.

Ter um chip reserva

Para manter um número de celular nas configurações de segurança das suas contas, é mais seguro não ser o mesmo número que você usa no dia a dia. Assim os criminosos não vão conseguir trocar a senha solicitando um novo código por SMS, pois esse outro chip estará em sua casa e não no aparelho roubado.

É possível também aumentar sua segurança e proteção depois do aparelho roubado. Confira!

Conteúdo continua após a publicidade.

Bloquear a linha e as operações bancárias

Assim que o aparelho for roubado, devemos ligar na operadora e bloquear a linha, antes mesmo de realizar um boletim de ocorrência e ligar para o banco. É essa iniciativa que impedirá o criminoso de fazer qualquer tipo de ligação ou receber SMS. Depois, é preciso ligar no banco e solicitar o bloqueio de todas as operações que podem ser realizadas via aparelho móvel ou computador. Esses dois telefonemas /bloqueios provocam grande dificuldade para os criminosos e, por isso, muitas vezes, desistem e passam para o próximo aparelho roubado.

Apagar os dados do celular

Ainda que o aparelho não tenha sido roubado com a tela desbloqueada, o primeiro passo é apagar os dados dele.

Se o seu aparelho for Android, há quatro opções para essa missão: use a página do Google “Encontre Meu Dispositivo”; acesse o aplicativo “Encontre Meu Dispositivo” por outro aparelho; procure a seção “Minha Conta” do Google; faça uma busca no Google por “Encontre Meu Dispositivo”.

Se o celular for um iPhone (sistema iOS), use o site iCloud (acessível por qualquer navegador de internet) ou então o aplicativo Busca, caso tenha algum outro aparelho da Apple, para apagar os dados.

Fazer um boletim de ocorrência

É importante fazer todos os processos descritos acima antes de ir à delegacia, pois durante o tempo em que você estará providenciando o boletim, a quadrilha pode avançar no roubo de dados. Caso o criminoso tenha tentado aplicar golpes por meio de suas redes sociais, é importante compartilhar essas informações com a polícia.

Se os criminosos acessarem minha conta, como pedir ao banco para me ressarcir valores?

O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor entende que há falha no serviço dos bancos e instituições financeiras. Há brechas na segurança que permitem que fraudadores cometam diversos atos prejudiciais aos consumidores. O Idec indica que é possível registrar uma reclamação na ouvidoria do banco. Se não conseguir solucionar o problema, a próxima opção é buscar o Procon para mediar a recuperação dos valores perdidos. Além disso, há a opção de registro de reclamação no Banco Central. Se a instituição financeira criou obstáculos para o cancelamento de transações ou passou a cobrar de você valores decorrentes de cartão de crédito ou empréstimo fraudulento, após sua comunicação com a empresa, o Idec aponta que a melhor opção pode ser o ingresso na Justiça.

Conteúdo continua após a publicidade.

Como recuperar minhas contas?

Os especialistas recomendam, logo em seguida das ações mais urgentes, trocar suas senhas dos aplicativos e verificar quais são os dispositivos conectados naquela conta – como o e-mail, por exemplo. É preciso desconectar essas contas do aparelho roubado. Como a troca de senha pede SMS, é importante estar com um novo chip.

A Net Jacareí, atenta às iniciativas que podem melhorar a vida do homem moderno, procura divulgar dicas úteis, sempre que possível, em suas publicações.

Infelizmente, os furtos de celular tornaram-se rotineiros. Portanto, vale a pena tentar evitar vários dos desconfortos e prejuízos provocados por esses roubos. Inicie as medidas de proteção, hoje mesmo. Elas evitarão muitas dores de cabeça!

Sugestões Para Você

Dicas

A Net Jacareí já está oferecendo, aos seus assinantes, o serviço “Ponto Extra”, que vai acabar com o problema de locais onde o sinal...

Dicas

Se, antes da Pandemia, sua família já usava a internet muitas horas por dia, hoje passou a usar quase em tempo integral, cada um...

Dicas

Desde o estabelecimento da humanidade em sociedades, o homem vem impactando a natureza. Mas os processos ambientalmente mais impactantes surgiram com a Revolução Industrial,...

Internet

Internet, o que seríamos sem ela? A internet está praticamente em tudo, computadores, celulares, dispositivos móveis, videogames e outros. Basta um simples aplicativo, que...